Guia in e out para casamento

Continuando no "in x out" para casamentos, aí vai mais dicas…
 
GUIA IN & OUT

No mundo onde as coisas acontecem tão rapidamente, as novidades entram e saem a todo o momento. No segmento de eventos o roteiro não é diferente. Algumas tradições caíram no esquecimento, quanto outras caem no gosto dos clientes virando uma nova tendência.

Cada evento deve ser especial e único. É um momento onde as novidades são sempre bem vindas. Ou seja, cabelos, sapatos, drinks, convites, decoração, entre vários outros itens, pedem atenção para não desequilibrar a produção. Apesar de serem as mais usuais, as dicas podem ser adaptadas ou personalizadas com o estilo de cada um.

Mas é importante ter cuidados na hora de modernizar um casamento ou mesmo na hora de querer que ele fique inteiramente tradicional. O casamento, a festa de debutante, o aniversário, o batizado, cada um desses eventos são momentos únicos onde se deve agradar famílias, mas onde a noiva, a debutante, o aniversariante ou os pais devem aproveitar também. É hora de reunir os amigos, mas não hora de rever os que não vê há um tempão. Por isso a idéia desse guia, não deixar ninguém perdido dentro de tantas novidades e dentro de tantos itens.

IN & OUT CASAMENTO

ANTES DO CASAMENTO
IN – Chá de lingerie para mulher e chá bar para os homens. Mas lembre-se de que devem ser realizados em lugares separados! No chá bar, os homens pedem assessórios essenciais para bar e o que faltar, pode ser colocado na lista de casamento. Já a noiva se diverte escolhendo lingeries e camisolas, além de estar com suas amigas durante o chá. Outra opção é fazer o chá bar para os dois!
OUT – Fazer só o tradicional chá de cozinha.

DIA DA NOIVA
IN – Fazer um dia da noiva completo, com massagem, cabelo, maquiagem e banho de banheira. Na maioria das vezes, a noiva cuidou de todos preparativos do casamento durante muito tempo, então, nada melhor do que um dia só dela para relaxar. Fazer making of com foto e vídeo para ter como lembrança é sempre IN.
OUT – Fazer o dia da noiva sozinha ou não fazer dia da noiva. Nesse dia, a noiva está nervosa e ansiosa e nada melhor do que algumas madrinhas e a mãe para ajudá-la a relaxar.

CASAMENTO EM GERAL
IN – Contratar uma organizadora de eventos, pois além de cuidar dos detalhes da festa para que nada saia errado a empresa cuida para que os noivos não tenham com que se preocupar no dia mais especial suas vidas. A equipe encarregada da organização ajuda a definir um orçamento realista e dentro de cada orçamento, apresentando as melhores opções. Ela também coordena a atuação de cada profissional envolvido e busca sempre os melhores preços.
OUT – Tentar cuidar do casamento sozinha. Além de diversos assuntos para cuidar, existem muitos detalhes que só quem tem experiência conhece. Portanto, o ideal é sempre procurar alguém para orientar, seja a mãe, a avó ou uma organizadora.

CONVITE / LISTA
IN – Fazer a lista geral com antecedência procurando dividir por amigos, família, trabalho e por último, colocando em ordem alfabética. Escolher modelos de convites que tenham a ver com a festa e com o perfil dos noivos. Mandar fazer com dois meses de antecedência e para calígrafa 45 dias antes. Começar a entregar um mês antes do casamento, sendo que para os convidados mais próximos e padrinhos devem ser entregues em mãos – os outros podem ser enviados via motoboy ou correio.
OUT – Fazer a lista correndo. Colocar amigos que não vê há muito tempo – vale lembrar que é uma festa de casamento e não um reencontro de turmas. Fazer um convite ultra-moderno quando a festa não segue a mesma linha ou vice-versa. Atrasar a entrega dos convites e mandar todos por correio.

LISTA DE PRESENTES
IN – Dividir a tradicional lista de presente com cotas em dinheiro para lua de mel ou para viagens. Assim além de montar a casa, a noiva ainda garante a viagem. Caso a noiva já tenha a casa montada, pode fazer os chás para pedir o que falta e na lista de casamento, pedir doações para ONG’s.
OUT – Colocar o cartão da loja no convite. O indicado é deixar as listas com o responsável pelo RSVP ou esperar que os convidados perguntem a noiva ou os familiares onde está a lista.

ESPAÇO / BUFFET
IN – Escolher um espaço que tenha a cara dos noivos e que comporte o número de convidados. Lugares com espaço ao ar livre estão super IN. Jantar americano torna a festa mais animada, pois as pessoas andam no salão, assim como ilhas, coquetel volante e menu degustação com as comidas sendo servidas em cumbucas. Desta maneira, todos podem comer circulando e a festa não para. A dica é colocar pratos que todos conheçam, incrementados com alguma sofisticação. O trio massa, carne e risoto está sempre em alta, além da salada e da sobremesa. Os noivos também podem optar em incluir um peixe.
OUT – Lugares fechados e muito tradicionais estão um pouco OUT. Colocar pratos muito diferentes e muito sofisticados, com nomes complicados, onde ninguém saberá o que está comendo. Não colocar sobremesa e salada. Jantar à francesa só se a família for muito tradicional e se a noiva tiver um número de convidados pequeno.

MÚSICA PARA ENTRADA DA NOIVA
IN – Marcha nupcial, sempre em alta.
OUT – Outra música que não seja a marcha nupcial.

SOM DA FESTA / ATRAÇÕES
IN – DJ, banda e uma atração extra que pode ser bateria de escola de samba, baterias que tocam com o DJ (tecno, pop, música brasileira), percursionistas, fogos, atrações circenses, efeitos especiais (como sky paper ou bolinha de sabão). O kit balada está sempre em alta (embora todo mundo já conheça, têm sempre coisas novas) para animar a pista, assim como as havaianas personalizadas.
OUT – Shows longos de artistas famosos – além de cansativo, rouba a atenção, que é só dos noivos. Não ter nenhum tipo de assessório para animar a pista, os noivos não dançarem ou não curtirem a festa está OUT.

MESAS / DECORAÇÃO
IN – Reservar mesas para família e padrinhos com o nome de cada um, pois na hora que o salão é aberto, ninguém respeita nada e todo mundo vira membro da família. Misturar mesas quadradas com redondas. Lounges e flores da época são muito indicadas, pois não pesam no orçamento e dão ao casamento uma cara jovem.
OUT – Arranjos florais iguaizinhos com as mesmas flores e do mesmo tamanho. Não reservar mesas para padrinhos, reservar mesa só para os noivos e deixar a família sem ter onde sentar (isso quando se tem mais convidados do que mesa) também é OUT.

BUQUÊ
IN – Jogar um buquê diferente. A dica é fazer um arranjo que pode subdividir em outros três ou cinco. Assim, mais mulheres podem pegar os buquês. Para descontrair e inovar ainda mais o casamento, cada “mini-buquê” que a noiva jogar pode vir com recadinhos como “você vai se casar com seu amor de infância” ou “você vai se casar com um milionário”. Também podem vir com medalhinhas de Santo Antônio.
OUT – Não jogar o buquê ou usar o mesmo da cerimônia, que pode ser pesado e até machucar alguém. Jogar no final da festa quando a maioria dos convidados já tiverem ido embora. No começo da festa é uma idéia nova e bem legal, afinal, a festa está cheia e é uma forma de animar o salão.

DAMINHAS E PAJENS
IN – Daminhas segurando bonecas com o mesmo vestido que elas estão usando. Outra dica que está IN são as meninas entrarem com cestas jogando pétalas de rosa ou soltando bolinhas de sabão. Os pajens devem levar a aliança ou irem de mão dada com outra daminha.
OUT – Daminhas e pajens com menos de 3 anos, pois pode-se ter algum problema das crianças não quererem entrar. Colocar roupas muito pesadas, porque a criança pode sentir mal e desconfortável.

FOTO E VÍDEO
IN – Contratar com antecedência, pois os melhores profissionais são concorridíssimos. Depois que o casamento passa, essa é a recordação que a noiva terá pro resto da vida. A dica é fazer fotos tradicionais misturadas com jornalísticas.
OUT – Contratar em cima da hora, não querer fazer fotos tradicionais e esquecer de passar a lista das pessoas que não devem ser esquecidas.

MESA DE DOCES
IN – Doces variados, principalmente a base de chocolate, que todo mundo adora. Misturar doces com chocolate em barra. Incrementar a mesa com guloseimas, como jujuba, bala de goma e confeitos de chocolate. Dar caixa de doces como lembrancinhas para avós ou tias queridas.
OUT – Sair carregando um monte de doces e levar para as mesas. Colocar muita variedade e pouca quantidade de cada guloseima. O cálculo ideal é de 4 a 5 doces por convidado e no máximo 6 variedades.

BEM CASADOS
IN – Ter alguém distribuindo os bem-casados na saída é uma boa sugestão para evitar que alguns convidados peguem muitos e outros fiquem sem. Fazer caixas dos doces para madrinhas e pessoas queridas com recadinho ou com medalhinha de Santo Antônio.
OUT – Pegar muitos bem-casados. Levar de dois ou três para a casa está de bom tamanho e é uma delícia para tomar com café no dia seguinte.

VESTIDO / CABELO
IN – Vestido de acordo com a personalidade da noiva, que a favoreça fisicamente, deixando-a segura para o grande dia e, claro, que seja confortável. Tecidos leves estão super IN, pois dão conforto à noiva até o final da festa. O penteado do cabelo também deve ser de acordo com o rosto da noiva. A noiva ainda pode trocar de vestido, substituindo o vestido usado na cerimônia por outro de tecido mais leve durante a festa.
OUT – Cauda é lindo, mas está meio OUT. Se for um sonho, pode usar – há até vestidos com caudas “descartáveis”. Sobrecarregar maquiagem, vestidos curtos e que estejam na moda, mas não favoreçam o corpo da noiva. Chapéu à noite e flores naturais nos cabelos também estão OUT.

SAPATO
IN – Com o mesmo tecido do vestido e personalizado.
OUT – Sapato branco liso. É interessante ter algum detalhe.

ALIANÇA
IN – Sempre recomendada, pois é o símbolo da união. Pode ser a mesma de noivado.
OUT – Não tem OUT. Cada gosto é um gosto.

JÓIAS
IN – É IN usar jóias de família. A dica são pérolas à tarde e cristais à noite.
OUT – Anéis, já que a aliança deve sobressair. Nada muito extravagante e que sobrecarregue o vestido.

CRONOGRAMA DA FESTA / CONVIDADOS
IN – Fazer com que a festa seja de acordo com o perfil dos noivos e dos convidados, ou seja, não adianta querer fazer coisas muito diferentes. Damos a dica de um breve roteiro a ser seguido: cerimônia, sessão de fotos, entrada dos noivos no salão (nesta hora pode aproveitar para passar o clipe de fotos). Em seguida, vem o corte do bolo, o agradecimento (opcional) e a dança. Depois disso, a pista é aberta e todos poderão curtir a festa à vontade, pois o coquetel já foi servido (durante a sessão de fotos) e o jantar será iniciado.
OUT – Inventar! Casamento é uma festa tradicional e por mais moderno que os noivos sejam, tem coisas que não dá pra pular, afinal, são recordações que eles terão para o resto da vida.

BEBIDAS
IN – Bar de caipirinha é o máximo! Fará mais sucesso ainda se estiver perto da pista, garantindo interação e animação dos convidados. Mini garrafas de espumantes Chandon servidos com canudinho na pista (chiquérrimo!). Colocar sorvete na pista e distribuir toalhas úmidas para amenizar o calor é um idéia nova e super bem aceita.
OUT – Batidas como meia de seda, de sonho de valsa ou outras com leite condensado. Mesa de café com licores e pratos quentes são OUT. Chá e café dão perfeitamente conta do recado.

LEMBRANCINHA
IN – Investir em lembranças originais é super IN. A dica são jornais personalizados com fotos da festa, cartão de agradecimento no carro, máquina fotográfica descartável e personalizada com o nome dos noivos, caixa de vidro com o bonequinho do bolo, patuás e caixa com mini bem casados. E até mesmo pedir ao vallet para colocar nos carros água com remédio para excesso de bebida (Engov) amarrado ou numa mini garrafa de espumante é recomendado para os que gostam de exagerar. Fazer livro de assinaturas ainda está super IN, mas pode ser substituído por uma árvore onde os convidados escrevem recados em papéis. Outra idéia são saquinhos com ervas no banheiro para amenizar a dor no pé, além do tradicional kit toalete.
OUT – Não ter lembrancinhas ou não ter bem-casado (esse é essencial!).

DEPOIS DO CASAMENTO
IN – Mandar os cartões de agradecimento, mesmo que isso exija tempo e paciência. O ideal é já anotar os nomes de quem deu quando receber os presentes. Todos os convidados tiveram consideração por vocês e agora merecem um reconhecimento. Outra idéia é reunir os amigos para um open house, passar o vídeo do casamento e mostrar as fotos.
OUT – Não agradecer os presentes.

 
Fonte: Top Press Comunicação

*A imagem ilustrativa deste post retirei do blogspot https://blognoivaneurotica.files.wordpress.com/2010/10/check-list.jpg?w=280 através de pesquisa na internet.
*O "GUIA IN & OUT" retirei do site http://www.toppresscomunicacao.com.br/realese.php?id2=6 através de pesquisa na internet.
Esse post foi publicado em Guia in e out para casamento. Bookmark o link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s